Vila Viçosa: GNR deteve indivíduo, de 38 anos, por alegada violência doméstica

Guarda detém indivíduos no Alentejo

A Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), ontem, dia 24 de fevereiro, deteve um homem de 38 anos por violência doméstica, no concelho de Vila Viçosa.

Segundo a GNR, “no decorrer de uma investigação, os militares da Guarda apuraram que o suspeito, consumidor habitual de bebidas alcoólicas e produtos estupefacientes, manteve um relacionamento amoroso com a vítima, sua ex-companheira de 35 anos, durante um ano, altura em que a agrediu física, psicológica e emocionalmente.”

“No decorrer das diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de detenção”, indicou ainda a GNR.

O detido foi presente ontem, dia 24 de fevereiro, a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Vila Viçosa, ficando sujeito às medidas de coação de proibição de contactar a vítima por qualquer forma ou meio e proibição de aproximação da vítima, controlado por pulseira eletrónica.