Venda Novas: Câmara lança projeto para incentivar o uso de bicicleta na deslocação de casa para a escola

Bicicletas em Vendas Novas

O Município de Vendas Novas lançou, esta semana, um projeto que pretende incentivar a utilização da bicicleta como meio privilegiado na deslocação de casa para a escola e vice-versa.

É objetivo deste projeto, promover a mobilidade suave, a qualidade ambiental, saúde e autonomia das crianças e jovens.

Para serem percorridas pelo “Gangue do Pedal”, foram delineadas, nesta fase, quatro rotas, que têm início em diferentes pontos da cidade e como destino a Escola Básica n.º1, Escola Secundária ou Colégio Laura Vicunha, podendo, conforme a adesão ao projeto, ser alargadas a outras zonas.

O projeto destina-se a jovens residentes no Concelho de Vendas Novas que estejam matriculados no 2º e 3º ciclos do ensino básico e que queriam ir de bicicleta para a escola, sendo acompanhados por guias, que terão a responsabilidade de lhes incutir as boas práticas de circulação na via pública. O regresso a casa será à responsabilidade de cada um.

Devido à pandemia, o projeto só agora foi colocado no terreno e, ainda para este final de ano letivo estão previstos três dias de acompanhamento ao Gangue do Pedal, nomeadamente, dias 2, 9 e 16 de junho. No início do próximo ano letivo, o projeto retomará e continuará o seu propósito de incentivo ao uso da bicicleta e promoção da autonomia dos participantes. O que se pretende é dar a segurança e confiança necessárias para que os nossos alunos façam uso da sua bicicleta sozinhos.

Os alunos do 11.º ano do Curso Técnico Profissional de Desporto estão envolvidos no projeto e assumiram o papel de guias e, neste primeiro dia, foram também acompanhados por técnicos do Serviço de Desporto e pela GNR/Escola Segura.

Para a Vereadora responsável pela Educação, pela Saúde e pelo Desporto, Ana Carla Barros, “este projeto alia quatro aspetos fundamentais: a possibilidade de usufruir das excelentes características de Vendas Novas para a deslocação em bicicleta, a promoção da atividade física, o estímulo para a autonomia dos alunos e a criação de uma consciência de proteção ambiental se for reduzida a utilização de veículos automóveis”.