Sociais Democratas pedem explicações sobre a situação vivida no Hospital de Évora

Hospital de Évora

Conforme ODigital.pt avançou ontem à noite, em primeira mão, o Serviço de Urgência do Hospital de Évora desde o início da noite de sábado não está a admitir doentes infetados ou suspeitos de Covid-19.

Uma situação que está a preocupar a população e as entidades locais e regionais. Já este domingo a Comissão Política Distrital de Évora do PSD veio a público afirma que esta situação “trata-se da negação da dignidade humana devida aos cidadãos na doença e na morte”.

Com “uma morgue [do Hospital de Évora] lotada e uma solução provisória baseada em contentores, a decretar a suspensão da admissão de doentes Covid, e sem se conhecer uma estratégia para o atendimento urgente de doentes não Covid”, a Comissão Política Distrital de Évora do PSD questiona publicamente a Administração do Hospital de Évora.

O PSD questiona sobre o destino dos doentes Covid que iriam para o Hospital de Évora, bem como qual a real capacidade de internamento do Hospital. Os Sociais Democratas questionam ainda sobre os hospitais de campanha do distrito e sobre a articulação das entidades locais e distritais.

Um comunicado que poderá ler na integra clicando aqui.