Serpa: Mais de 312 mil euros para adaptação às alterações Climáticas

O Município de Serpa viu aprovada uma candidatura no âmbito da adaptação às alterações Climáticas, sendo que as medidas a adoptar actuam em dois domínios fundamentais: contrariar o efeito da ilha de calor nos espaços públicos e fazer uma gestão sustentável dos recursos hídricos.

Segundo a autarquia de Serpa, esta candidatura “inclui a criação de uma estrutura de sombreamento sazonal, bem como planos de água e fontes, na Praça da República, em Serpa, a criação de corredores de ventilação e a respectiva nebulização nas ruas dos Cavalos, do Calvário, dos Fidalgos e das Portas de Beja, e a alteração do abastecimento do sistema de rega a partir da rede pública, para a utilização de águas subterrâneas, no Parque Desportivo Municipal de Vila Nova de São Bento (Campo de Futebol).”

A edilidade acrescenta ainda que “paralelamente inclui acções de informação, sensibilização, divulgação e disseminação sobre estas intervenções e sobre a problemática das alterações climáticas.”

Com um custo total elegível de 312 899 euros, conta com uma comparticipação financeira da União Europeia, no âmbito do POSEUR, no montante de 234 674,25 euros.