Secretário de Estado da Educação visitou escola do Torrão e destacou a sua dinâmica (c/fotos)

Visita escola do Torrão

O Agrupamento de escolas do Torrão, no concelho de Alcácer do Sal, recebeu, esta quinta-feira, a visita do Secretário de Estado Adjunto e da Educação, João Costa.

A visita ocorreu no âmbito do projeto de valorização do património “Por Terras de Bernardim”, uma parceria entre a Junta de Freguesia do Torrão e aquele AE, que evoca a vida e obra de Bernardim Ribeiro e alerta para a importância do património cultural local.

Nesta visita para além do Secretário de Estado Adjunto e da Educação, esteve ainda a deputada Clarisse Campos, o presidente da Junta de Freguesia do Torrão, Helder Montinho e o diretor do agrupamento, Rui Figueiredo.

Em declarações a’ODigital.pt, o Secretário de Estado Adjunto e da Educação, João Costa, referiu que este “agrupamento não se pode medir aos palmos, porque, pelo que vi, há aqui uma equipa de professores muito comprometidos em oferecer uma escola diferente aos alunos que aqui estudam e depois o que acontece nas aulas é complementado com projetos como o da Junta de Freguesia, para que a aprendizagem seja mais apelativa, motivadora e mais profunda”.

Já sobre o projeto “Por Terras de Bernardim”, o Governante referiu que “é o sinal de que as escolas não estão plantadas no espaço, nem na lua, estão plantadas em terras concretas e nós somos também a terra onde crescemos e, por isso, imaginar que crescemos na escola sem esta interação com a comunidade, é empobrecer a escola”, acrescentando que “este projeto traz muito à escola e a escola traz muito à comunidade.

O Governante concluiu que “o Torrão tem este lugar fantastico de estar na Rota da Nacional 2 e tenho a certeza que através deste projeto e dos alunos da escola quem por aqui passa vai ficar a saber ainda mais sobre o património que há aqui”.

Já o presidente da Junta de Freguesia do Torrão, falou sobre o projeto “Por Terras de Bernardim”, referindo que foi criado “a pensar na dinâmica do território, na envolvência de todas as gerações e que pretende que o Torrão crie uma dinâmica a nível dos valores do território para que se possa desenvolver no futuro”.

Já sobre a visita do Secretário de Estado, Helder Montinho, salientou que “viemos ver como estamos a dinamizar no agrupamento de escolas do Torrão, viemos ver como os alunos estão a adorar este projeto que tem sido um êxito e, assim, permite dar a conhecer o património e a envolvência desta terra aos mais pequenos para que no futuro possam transmitir às gerações vindouras”.

Sobre o agrupamento, o Autarca refere que “tem sido uma escola muito dinâmica e tem feito um excelente trabalho a todos os níveis e que está virada para o futuro.

Falámos ainda com a deputada Clarisse Campos, que destacou o fato da “vila do Torrão ter dinâmica muito grande a vários níveis, nomeadamente ao nível do contato com a população, mas também aqui na educação”, acrescentando que “esta escola tem uma dimensão pequena, com poucos alunos, mas isso não é um obstáculo, sempre teve uma história de muito trabalho, de muita dedicação e empenho”.

Já sobre o seu trabalho na Assembleia da República, Clarisse Campos, referiu que “levo sempre agarrado a mim o concelho de Alcácer e procuro passar sempre as boas iniciativas e tudo aquilo que se faz no concelho e tudo aquilo que é necessário para este território.”

Já o Diretor do Agrupamento de Escolas, Rui Figueiredo, falou-nos sobre a visita do Governante, dizendo que “quisemos mostrar que somos um agrupamento pequeno na dimensão, mas, sendo este um agrupamento TEIP (Territórios Educativos de Intervenção Prioritária) tem uma dinâmica própria, diferente e muito grande”.

O responsável salientou que “conseguimos envolver neste agrupamento toda a comunidade educativa, corpo docente, alunos, pais e conseguimos ter um rol de atividades que envolve a parte artistica, tecnológica, entre outras” e “é sempre importante trazer as chefias ao interior, eles sabem que nós trabalhamos, mas é importante para nós receber o reconhecimento por parte da tutela”.

Sobre algumas preocupações transmitidas ao Governante, Rui Figueiredo disse que “transmitimos as preocupações que têm mais haver com aquilo que é o TEIP e certamente que o Dr. João Costa tomará em atenção as nossas preocupações, tem haver com os recursos humanos, porque às vezes torna-se complicado termos professores em determinados agrupamentos, o nosso agrupamento é pequeno, temos um corpo docente pequeno, mas mesmo assim temos algumas dificuldades, porque estamos algo distantes dos grandes centros”.

Já sobre projetos futuros, o Diretor do Agrupamento, começou por dizer que “à imagem do que há em Vila Viçosa, que é uma das nossas referências, estamos a projetar um estúdio de televisão e rádio, que vem no enquadramento daquilo que é o programa TEIP, e a nível das novas tecnologias temos ainda a implementação da programação e robótica desde o 1º ciclo e os resultados que temos tido são complemente distintos daqueles alunos que não passaram por estas experiências e isto só nos leva a investir ainda mais”.

Fique de seguida com as imagens da visita ao Agrupamento de Escolas do Torrão, numa reportagem de Hugo Calado: