Reguengos de Monsaraz: GNR apreendeu 200 kg de peixe, pescado ilegalmente no Alqueva

A Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Protecção Ambiental, no passado dia 18 de Fevereiro, identificou um pescador, de 33 anos, por pesca ilegal, na Barragem do Alqueva.

Segundo a GNR, “a acção foi efectuada no âmbito da pesca profissional, tendo o suspeito sido identificado por estar a pescar em local proibido, utilizando para o efeito uma embarcação registada para a pesca profissional e cinco redes.”

Ao que sabemos, foi elaborado um auto de noticia por contraordenação e apreendidas a embarcação, as redes de pesca e a licença de pesca.

A Força de Segurança adiantou ainda que “o pescado, 200 quilos de sável, com um valor presumível de dois mil euros foi apreendido e doado a uma instituição de solidariedade social da Santa Casa da Misericórdia de Reguengos de Monsaraz, depois de devidamente examinado pelo veterinário municipal.”