Redondo: “A cultura, o livro e a leitura saíram reforçados” com o evento ‘Palavras ao vento”, disse autarca

palavras ao vento

Entre os dias 8 e 15 de maio, a localidade de Redondo recebeu o evento ‘Palavras ao vento | Encontro Literário no coração do Alentejo | XXXIV Feira do Livro’.

Um evento que contou com cerca de meia centena de atividades, entre elas a presença do autor Pedro Chagas Freitas que apresentou seu mais recente livro “A Raridade das Coisas Banais”.

O presidente da Câmara Municipal de Redondo, David Galego, fez um balanço positivo deste evento, referindo que “foi um formato novo que resolvemos colocar em prática, mas estamos muito satisfeitos com a adesão, com aquilo que têm sido as dinâmicas todas, com as várias atividades e estou certo de que o caminho vamos fazê-lo com melhoria contínua”.

Para o autarca “a escolha do local, a forma como interagimos com os mais jovens, com os livros, com os bloggers, com os cronistas, os escritores, os filósofos, os professores, a nossa cultura local, os nossos escritores locais, foi uma interação que me pareceu muito útil”.

David Galego espera que “este encontro não se extinga só neste evento anual, que ele também possa refletir-se noutros eventos adicionais e noutra forma de promover a cultura”, acrescentando que “com este evento até a nossa biblioteca itinerante saiu reforçada, pois foi muito falada e é com orgulho que a vamos manter na rua, mas na globalidade foi a cultura, o livro e a leitura que saíram reforçados deste evento”.

Queremos que este evento seja um evento reconhecido a nível do Alentejo, mas também a nível nacional, e o feedback de quem tem sido dos nossos convidados tem sido muito positivo”, concluiu o autarca.