Proteção Civil procura 4 operadores de telecomunicações para o Comando de Beja

proteção civil

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil está a recrutar trabalhadores para o Comando Distrital de Operações de Socorro de Beja.

De acordo com a informação disponibilizada, estão abertas 4 vagas para as funções de Operador de Telecomunicações de Emergência nas Salas de Operações e Comunicações do referido Comando Distrital.

Ao que sabemos, as funções a exercer são de natureza executiva, de aplicação de métodos e processos, com base em diretivas bem definidas e instruções gerais, de grau médio de complexidade. Nas seguintes áreas de atuação: operar sistemas de informação e telecomunicações que equipam as centrais de emergência, os veículos de emergência e outras estruturas montadas em situações de resposta a crise e de prevenção em eventos; elaborar registo de dados e atividade exercida conforme as normas em vigor, bem como transmitir a informação ao Comandante Operacional Distrital (CODIS), ou a quem este designar; desempenhar as funções de atendimento das chamadas de socorro no CDOS, respetiva triagem e aconselhamento telefónico, bem como acionar, acompanhar e gerir os meios de emergência e socorro, de acordo com os protocolos definidos e sob supervisão de um chefe de equipa. Cooperar e colaborar em todas as atividades de qualquer natureza promovidas pelo CDOS, sob supervisão do CODIS, na promoção da ANEPC, assim como na disseminação de informação considerada pertinente para salvaguarda das pessoas e bens.

As candidaturas podem ser entregues pessoalmente nas instalações da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (Seção de Expediente), remetidas pelo correio em envelope fechado, registado e com aviso de receção ou, ainda, remetidas por correio eletrónico para o endereço recrutamento@prociv.pt, até 4 de dezembro.