Segunda-feira, Outubro 2, 2023
Pub

Presidente da República defende que agricultores têm que ser apoiados

Mais notícias

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu ontem que os agricultores e produtores agropecuários têm que ser apoiados, considerando que o recurso a fundos europeus para ajudar o setor é “uma oportunidade única”.

“O esforço dos agricultores tem que ser apoiado. Espero que seja possível que os fundos europeus que são apreciáveis sejam todos aproveitados e aproveitados a tempo”, afirmou o chefe de Estado, em declarações aos jornalistas na feira Ovibeja.

Marcelo Rebelo de Sousa disse desejar que “sejam processos rápidos” e que os fundos europeus “cheguem aos agricultores e produtores pecuários, a todos eles”.

Questionado sobre se se trata de um recado ao Governo, o Presidente da República respondeu que apenas sente que “agora é uma oportunidade”, pois os fundos europeus “representam uma oportunidade única”.

“Estou a pensar nesta oportunidade única. Não estou a pensar no passado e noutras situações. E digo que, nesta oportunidade única, o apoio à agricultura e aos produtores é fundamental”, sublinhou.

Acompanhado por dirigentes da ACOS – Associação de Agricultores do Sul, que organiza a feira, e outras individualidades, o Presidente da República percorreu os vários espaços da feira, visitou expositores e contactou com visitantes.

Nas declarações aos jornalistas, Marcelo elogiou o setor agrícola em Portugal, assinalando que “há uma qualidade e uma juventude que são notáveis”.

“A ideia de que a agricultura ia morrer, que era um setor do passado, que não tinha futuro nas exportações, que era uma realidade que ia ser substituída, no caso português, pelo turismo, indústria, serviços, em particular, e pelo comércio não é verdade”, vincou.

Sobre a Ovibeja, o chefe de Estado considerou que a edição deste ano está “maior do que nos anos anteriores” e que deu “um salto enorme depois do período da pandemia”.

“A Ovibeja faz-nos lembrar o seu fundador, com muita saudade, mas mostra que aqueles que hoje a lideram estão à altura desse fundador e estão a fazer uma obra notável”, referiu.

Quanto à ausência de convites ao Governo para visitar a feira, Marcelo Rebelo de Sousa limitou-se a dizer que “convida quem é da casa”, escusando-se a comentar esta decisão da organização da feira.

A 39.ª edição da Ovibeja decorre, até segunda-feira, no Parque de Feiras e Exposições de Beja – Manuel Castro e Brito.

- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -
- Pub -

Outras noticias

Vila Viçosa acolheu Festa da Malha do distrito de Évora. Conheça os vencedores e veja as imagens

Cerca de 400 participantes estiveram na 29.ª edição Festa da Malha, que se realizou, este domingo (1 de outubro)...