Potencial hídrico e hidroagrícola do Vale do Tejo e Oeste vai ser avaliado. Concelhos do Crato e Portalegre são abrangidos

Hidrica

A Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural lançou, recentemente, um concurso público Valorização dos Recursos Hídricos.

O procedimento agora lançado destina-se à Valorização dos Recursos Hídricos para a Agricultura no Vale do Tejo e Oeste.

Este procedimento tem um valor base de 399.992 e prevê um prazo de execução de 1 ano.

Segundo ODigital.pt conseguiu apurar este procedimento prevê a avaliação do potencial hídrico e hidroagrícola do Vale do Tejo e Oeste através do regadio, com a captação, armazenamento, transporte e distribuição de água, com delimitação de regiões potencialmente irrigáveis, e análise dos impactes sócio-económicos e ambientais.

Esta avaliação vai incidir em vários concelhos da bacia hidrográfica do Tejo e ainda alguns concelhos do Oeste. No que diz respeito ao Alentejo, a avaliação incidirá nos concelhos de Portalegre e Crato.