Portugal sobre no ranking global de competitividade

Empresas

Pelo segundo ano consecutivo, Portugal volta a subir no ranking dos países mais competitivos a nível mundial, segundo o ranking de competitividade do IMD World Competitiveness Center, divulgado hoje. O IMD World Competitiveness Ranking coloca Portugal na 37ª posição do ranking das economias mais competitivas a nível mundial, subindo duas posições face a 2019, sendo o pódio agora ocupado por Singapura, Dinamarca e Suíça.

Segundo o ranking, que avalia factores como o desempenho económico, a eficiência das empresas, das infraestruturas e do Governo, este é o melhor resultado alcançado pelo nosso país desde 2018, o que reflecte uma economia mais sólida, influenciada pela inflação dos preços ao consumidor, pela exportação de produtos e por receitas turísticas – factores que figuram no topo da lista das suas maiores forças económicas.

Ainda sobre a sua performance económica, Portugal destaca-se na categoria de Preços, convertendo-se no 30º país mais competitivo a nível mundial, seguindo-se o Comércio Externo, que confere ao país a 31ª posição, à semelhança do ano anterior.

De destacar também a 22ª posição ocupada por Portugal nas categorias de Estrutura Social e Legislação Empresarial, mas também a sua pontuação a nível de Infraestruturas Educativas, Saúde e Ambiente, que justificam a sua 24ª posição.

Também a par com os resultados do ano passado, a mão-de-obra qualificada (75.9%), o custo de oportunidade (65.1%) e a estabilidade das infraestruturas (61.4%) continuam a ser os principais indicadores de atractividade do país.

Quanto às metas para 2020, estas estão focadas em garantir um crescimento estável e alto do PIB num contexto de restrições económicas internacionais, e na adopção de um quadro fiscal favorável às empresas e ao investimento, que permita reforçar ainda mais a competitividade de Portugal.