Portalegre e Beja foram das regiões onde os preços médios de venda e arrendamento foram mais baixos, em Outubro

Venda e arrendamento de imóveis

O Imovirtual divulgou, esta semana, um estudo, baseado em dados disponíveis na plataforma, no qual analisa a evolução dos preços médios de venda e arrendamento anunciados no Portal. Os dados agora partilhados referem-se ao comparativo do mês de outubro de 2020 com o mês de setembro do mesmo ano e o período homólogo de 2019.

Para além das conclusões apresentadas, importa referir que, no segmento de venda em outubro de 2020, os quatros distritos que se evidenciam pelos preços médios mais baixos foram Portalegre (110.803€), Castelo Branco (122.531€), Guarda (121.193€) e Beja (135.346€).

Portalegre que, em relação ao arrendamento, foi o distrito a apresentar a maior subida percetual, face aos outros distritos, no que diz respeito à venda, obteve a maior quebra no preço médio comparativamente ao mês de Setembro de -5,28%.

Por outro lado, no segmento do arrendamento em outubro, Lisboa continua a liderar o Top de distritos mais caros com as rendas a chegarem, em média, aos 1.339€. Face ao mês anterior, observou-se um crescimento ligeiro de 1,29%, ao passar de 1.322€ para 1.339€. Dos restantes distritos que compõem este TOP, à exceção do Porto (-0,11%), os restantes distritos, nomeadamente Setúbal (1,13%) e Faro (3,78%), registaram um aumento no preço médio.

Se a comparação for feito com o período homólogo do ano passado (outubro de 2019), a realidade é algo diferente. No que respeita à venda de imóveis, regista-se uma subida de +5,79% ao passar-se de 323.866€ para 342.621€. Já no arrendamento, há um decréscimo -10% ao passar de 1.157€ em outubro de 2019 para 1.045€ em outubro de 2020.

Para conhecer todos os detalhes deste estudo, incluindo tabelas e gráficos de apoio, viste https://www.imovirtual.com/noticias/imoblog/mercado-imobiliario-em-numeros-barometro-mensal-outubro