Ourique inaugurou Centro de Cycling e Rede Wi-fi, “projectos acima de tudo para a Valorização do Território”, disse Autarca (c/som e fotos)

Como já noticiámos, esta quinta-feira, 16 de Julho, a Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, iniciou uma visita de dois dias aos Alentejo. Uma visita que aconteceu alguns meses depois de já ter realizado também uma visita de dois dias a esta região.

Um dos pontos de passagem da governante foi o concelho de Ourique, onde inaugurou o Centro de Cycling e ainda o reforço da rede de WiFi da Vila de Ourique.

O Centro de Cycling faz parte da Rede Integrada de Centros de BTT e Cycling do Alentejo e Ribatejo, tendo tido um investimento global de 691.110 €, dos quais 323.178€ foram suportados pelas autarquias locais. A rede integrará 8 Centros BTT abrangendo 11 concelhos; 11 estações de serviço; 57 percursos com 4 níveis de dificuldade; C. de 1350 km de percursos e c. de 800 km de percursos sinalizados, homologados pela UVP/FPC (União Velocipédica Portuguesa – Federação Portuguesa de Ciclismo).

ODigital.pt esteve presente e falou com o Presidente da Câmara Municipal de Ourique, Marcelo Guerreiro, que começou por explicar que o “Centro de Cycling e a rede wi-fi são dois projectos acima de tudo para a Valorização do Território, direccionados para os visitantes e para os turistas, mas também para a valorização e para a melhoria do bem-estar da população”.

Marcelo Guerreiro deixou claro que “necessitamos de projectos e de investimentos que valorizem o território, não tenham uma grande dimensão, mas que pouco a pouco que possamos fazer conjuntamente esse mesmo caminho de Valorização do Território, e o Alentejo é um mundo de oportunidades e um mundo que está a crescer, e que tem dinâmica”.

O Autarca referiu também que “temos que valorizar essencialmente aquilo que temos e aquilo que temos é um Alentejo de qualidade, caracterizado pela sua natureza e pelas suas tradições e pela sua ruralidade e portanto não há que inventar, há que valorizar precisamente aquilo que temos”, acrescentando que “cada vez mais a procura por actividades ao ar livre actividades de natureza são cada vez maiores, o que é o caso do BTT e do cicloturismo que são também cada vez mais as pessoas que circulam neste território precisamente nessa mesma vertente e por isso temos de criar condições.”

Já sobre o reforço da rede wi-fi em Ourique, Marcelo Guerreiro, salientou que “era indispensável que o Alentejo esteja conectado e esteja ligado e temos um caminho imenso pela frente para o fazer, porque não temos as redes sejam elas físicas ou tecnológicas que os grandes centros urbanos têm e portanto é essencial que continuemos a lutar e a melhorar essas mesmas infraestruturas, seja as infraestruturas físicas, como é o caso das infraestruturas rodoviárias ou ferroviárias, ou sejam as infraestruturas tecnológicas e nomeadamente a cobertura em todo o Alentejo.”

Já sobre próximos projectos para este concelho do distrito de Beja, o Autarca referiu que “ambicionamos e batalhamos muito para que o novo centro de saúde possa nascer em Ourique e estão dados muitos passos nesse mesmo sentido, temos também para breve o lançamento da obra de remodelação da escola da Escola EB 2 3- S de Ourique garantindo que aquilo que são os serviços básicos à população estejam assegurados e depois é necessário uma parceria muito grande entre o investimento público e o investimento privado no sentido de concretizar aquilo que são os investimentos no território”, adiantando que em breve Ourique terá “um hotel de cinco estrelas que vai nascer no concelho e que é a prova de que o território do concelho de Ourique e o Alentejo se enquadram plenamente com a palavra qualidade e que não é por acaso que esse mesmo investimento vai nascer aqui do qual nós somos parceiros e queremos que possa ser concretizado mais rapidamente.”