Moura: Câmara prolonga candidaturas a Fundo de Emergência para empresa

Fundo de Emergência

A Câmara Municipal de Moura, no distrito de Beja, decidiu prolongar até 30 de setembro o prazo para apresentação de candidaturas ao Fundo Municipal de Emergência Empresarial, devido à pandemia de covid-19.

“Este mecanismo de apoio funcionará enquanto incentivo financeiro extraordinário que pretende assegurar a fase de normalização da atividade das empresas cuja atividade tenha sido gravemente afetada” pela pandemia de covid-19, de acordo com o município.

Poderão ser beneficiários empresários em nome individual ou sócios gerentes de sociedades comerciais e que desenvolvam a sua atividade nas áreas obrigadas a encerrar no período de tempo em que esteve em vigor o estado de emergência.

O Fundo Municipal de Emergência Empresarial pretende apoiar exclusivamente empresários cujo volume de negócios não tenha ultrapassado o valor de 100 mil euros no último ano validado pela autoridade tributária.