Monsaraz: Organização Mundial de Turismo tem como prioridade o apoio ao desenvolvimento rural

presidente da organização Mundial do Turismo

O Presidente da Organização Mundial de Turismo disse hoje, em Monsaraz, que o apoio ao desenvolvimento rural através da atividade turística é a “prioridade número um”.

O apoio ao desenvolvimento rural através da atividade turística é a “prioridade número um” da Organização Mundial de Turismo (OMT), disse hoje o presidente desta organização, que apontou Portugal como exemplo nesta área.

“A nossa prioridade é e será o apoio ao desenvolvimento rural. Vemos muitos lugares e espaço para investir no capital humano, na educação, investir financeiramente para criar novos empregos. Esta é a nossa prioridade número um”, afirmou o presidente da OMT, Zurab Pololikashvili.

O mesmo responsável, ao discursar na 5.ª Conferência Global da OMT sobre Enoturismo, que arrancou hoje na vila alentejana de Monsaraz, assinalou que há “pessoas e famílias” que “estão à espera dos turistas” e que “precisam deste tipo de atividades”.

“Porque dependem e os seus rendimentos dependem do setor do turismo”, sobretudo nas zonas rurais, destacou.

Para Zurab Pololikashvili, “há muito potencial” no turismo rural e a OMT quer que os seus Estados-membros mais fortes e desenvolvidos neste setor, “na sua maioria da Europa”, transfiram para “os países menos desenvolvidos” conhecimentos sobre como ‘casar’ turismo e desenvolvimento rural: “Portugal é um excelente exemplo”.

Na jornada inaugural da conferência que decorre até sexta-feira em Monsaraz, vila medieval do concelho de Reguengos de Monsaraz (Évora), o presidente da OMT realçou que este evento é dos primeiros a serem realizados a nível internacional, na área do turismo, desde o início da pandemia de covid-19.

Por isso, esta iniciativa é “muito importante” e vai dar “mais esperança” e “mais mensagens positivas” aos países que integram a OMT, afirmou, defendendo que “este é o lugar” e “o momento para reiniciar o turismo”.

A 5.ª conferência da Organização Mundial de Turismo sobre Enoturismo tem como tema “Enoturismo – um motor do desenvolvimento rural”.

O contributo do enoturismo para o desenvolvimento regional e o seu potencial para gerar inovação e negócio para os territórios e para as empresas é o assunto ‘em cima da mesa’ para debate.

O evento é organizado pela OMT, com o apoio do Turismo de Portugal e do Município de Reguengos de Monsaraz.

“Numa época de desafios sem precedentes que nos obrigam a todos a adaptar e repensar estratégias, é essencial debater e encontrar soluções concretas que façam do turismo um instrumento fundamental para destinos e comunidades mais sustentáveis, inclusivas e resilientes”, disse hoje o Turismo de Portugal, em comunicado.