Monsaraz foi o centro da reflexão sobre a água, a sua utilização e valorização (c/fotos)

Water world forum for life

Como demos conta, nos últimos dias decorreu no Centro Náutico de Monsaraz, no concelho de Reguengos de Monsaraz, o “WATER World Forum for Life”, no qual se abordou a água e a sustentabilidade ambiental.

Promovido pela Câmara de Reguengos de Monsaraz, do distrito de Évora, e organizado pela empresa The Race, o fórum teve “formato híbrido”, ou seja, presencial e com a transmissão ‘online’ de conteúdos.

Este sábado, último dia em que ocorreram conferências e debates, passaram por Monsaraz especialistas, empresários e decisores políticos locais, regionais e nacionais, que explanaram a sua visão sobre a melhor utilização da água.

Durante dois dias foram discutidos os grandes problemas relacionados com os usos e abusos com a água. Foram esmiuçadas as questões relacionadas com a saúde dos ecossistemas aquáticos, particularmente terrestes, mas aflorando também o ambiente marinho.

Nestes dias foram analisadas as ameaças múltiplas e cumulativas resultantes das atividades humanas não sustentáveis, como os efeitos das alterações climáticas, do aumento exponencial da população humana, da sobreutilização dos recursos aquáticos, da poluição por fertilizantes, pesticidas, produtos farmacêuticos e outros químicos, e também o desequilíbrio da biodiversidade e dos ecossistemas.

Foram dias de reflexão ambiental, num evento que pretendeu colocar “o mundo a pensar”, como disse no início José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz.

O terceiro dia do “WATER World Forum for Life” terminou com os concertos de Cristóvam e da  Orquestra Ligeira do Exército e ainda com um espetáculo multimédia.

Fique com algumas imagens deste terceiro dia, numa reportagem de Hugo Calado: