Misericórdia de Vila Viçosa é a primeira entidade a iniciar o CLDS 4G, no distrito de Évora, e garante o financiamento de mais de 420 mil euros

A Sala de Sessões do edifício sede da Santa Casa da Misericórdia de Vila Viçosa recebeu, esta sexta-feira, o acto de assinatura do termo de aceitação do Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS), tornando-se o primeiro concelho do Distrito de Évora a iniciar os projetos CLDS 4G.

Na cerimónia esteve presença José Domingos Ramalho, Director do Centro Distrital de Segurança Social, entidade que através do POISE garante o financiamento de 421.200,00€, para actividades a desenvolver no Concelho de Vila Viçosa em matéria de emprego, formação e qualificação (eixo 1) e intervenção familiar e parental, preventiva da pobreza infantil. O provedor Jorge Rosa agradeceu a presença da Segurança Social e referiu que a SCM de Vila Viçosa, como entidade coordenadora do projecto, tudo fará para levar por diante as iniciativas que foram inscritas no plano de actividades.

Por sua vez o Director da Segurança Social expressou a desejo de que os “os objectivos do CLDS se cumpram, nomeadamente a redução da pobreza e exclusão social e a elevação da qualidade de vida dos cidadãos”. Aquele dirigente congratulou-se ainda com o facto de, pela primeira vez, “todos os concelhos de Évora serem abrangidos por projectos CLDS, o que garante um investimento de mais de 6 milhões de euros”.

Recorde-se que a totalidade dos 14 concelhos do distrito de Évora já têm projectos financiados, sendo que Évora, Borba, Montemor-o-Novo e Alandroal, serão os próximos concelhos a iniciar actividades, que se prolongam por mais 36 meses.