Sexta-feira, Agosto 12, 2022
Pub

Mais de 100 alunos do Politécnico de Beja candidataram-se à mobilidade internacional

- Publicidade -
- Publicidade -

O Instituto Politécnico de Beja revelou esta semana, os resultados da 1ª fase de candidaturas à mobilidade académica de estudantes 2021/2022. Esta candidatura decorreu entre os dias 2 e 19 de março e contou com a participação de 107 estudantes do instituto que tem interesse em realizar uma experiência de mobilidade internacional no próximo ano letivo. Um número acima das expectativas que se consideravam baixas por causa da pandemia.

Os Professores Responsáveis pela Mobilidade Internacional dos Cursos (RMIC) irão agora entrevistar os 107 estudantes para avaliarem a sua motivação e as suas competências linguísticas para a realização de um período de mobilidade internacional. Depois deste passo, os candidatos poderão escolher entre 150 Instituições de Ensino Superior estrangeiras parceiras dos Instituto Politécnico de Beja.

Por fim, os estudantes selecionados beneficiarão de uma bolsa de mobilidade, para ajudar a custear as despesas de alojamento e terão acesso gratuito a um curso de língua online, para as mobilidades ao abrigo do programa Erasmus+. O IPBeja oferece ainda um complemento de bolsa, no valor de 250,00 €, a todos os estudantes que decidam apostar num dos programas de mobilidade internacional

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

As mais vistas

Mais notícias

Morreu Carlos Caçador Durão, primeiro autarca de Barrancos em democracia

Carlos Caçador Durão, o primeiro presidente da Câmara de Barrancos (Beja) eleito em democracia, morreu hoje, aos 89 anos, disse à agência Lusa o...

Redondo: Ass. Terras D’Ossa lançou um passaporte para melhor conhecer a Serra D’Ossa e não só

A Serra D’Ossa localizada no coração do distrito de Évora, é considerada o pulmão dos concelhos de Alandroal, Borba, Estremoz, Redondo e Vila Viçosa,...