Lar da Misericórdia de Serpa já regista 6 óbitos devido à Covid-19

Covid idosos

Subiu o número de óbitos no lar da Santa Casa da Misericórdia de Serpa, onde no final de novembro eclodiu um surto de Covid-19.

De acordo com a Autarquia de Serpa, “neste momento a situação no Lar de São Francisco está estabilizada, infelizmente com seis óbitos a lamentar”, acrescentando que “desde o início do surto contabilizaram-se 75 utentes e 13 trabalhadores com teste positivo à Covid 19.

A Autarquia garante que desde o primeiro momento que “está a acompanhar a evolução deste surto, através da Comissão Municipal de Proteção Civil, composta por elementos da autarquia, saúde pública, Segurança Social, GNR e Bombeiros.”

A autarquia, depois de definido pela Saúde Pública, criou uma estrutura para acolher utentes do lar, instalada no Pavilhão Carlos Pinhão, em Serpa. Esta estrutura, denominada Zona de Concentração e de Apoio à População (ZCAP), montada em menos de 24 horas, com recurso a uma empresa externa, inclui vários módulos individuais com capacidade total para receber 22 pessoas. Paralelamente, foram pedidas e transportadas camas, cedidas pela Segurança Social e pelo Hospital de Beja, sendo que a autarquia alugou mais 10 camas articuladas e elétricas destinadas a pessoas com mobilidade reduzida.

“O funcionamento deste equipamento suportado pela autarquia, tem um custo mensal de cerca de 7 mil euros”, revela a Câmara Municipal de Serpa.