ICNF disponibilizou 50 mil árvores autóctones. Em 24 horas o objetivo foi superado

Plantar árvores

Conforme aqui noticiámos, para assinalar o Dia Internacional das Florestas, que acontece no dia 21 de março, o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) disponibilizou 50.000 árvores autóctones produzidas nos seus viveiros, gratuitamente, aos cidadãos e proprietários rurais que desejem fazer plantação nas suas propriedades.

Passado 24 horas, o ICNF faz o balanço desta iniciativa e refere que “os portugueses afirmaram com entusiasmo que somos mesmo todos ICNF, aceitando o desafio que lhes foi lançado de plantar 50.000 árvores!”

“A campanha #ICNFsomosTODOSnos, iniciada no dia 17, granjeou uma adesão inesperada e surpreendente, especialmente por se tratar de iniciativas individuais, provenientes de todos os cantos e recantos do país, rurais e urbanos de norte a sul”, refere o ICNF.

O ICNF propôs-se, com esta campanha, comemorar o Dia Internacional das Florestas, sob o lema “Restauro florestal, o caminho para a recuperação e o bem-estar”, convidando e envolvendo todos os cidadãos, e proprietários rurais a fazer plantação nas suas propriedades de espécies autóctones produzidas nos seus viveiros. A este desafio, os portugueses não só corresponderam ao apelo como excederam largamente as espectativas mais otimistas.

O ICNF termina o balanço salientando que “fiéis aos princípios, que levaram, em 1870, a população do Nebraska a dedicar um dia à plantação de árvores, os portugueses aderiram à iniciativa do ICNF de forma admirável e em menos de 24 horas propuseram-se recolher e plantar 50.000 árvores. Um enorme obrigado a todos pela receção a esta iniciativa!”