“Hoje em dia, ou se arrisca para ser diferenciador ou mais vale não fazer nada”, disse o autarca de Alandroal

beer alandroal

A observação do céu e a degustação de mais de 230 estilos de cerveja artesanal estão no ‘menu’ de um novo festival em Alandroal, no distrito de Évora, que se realiza este fim-de-semana.

Organizado pela Câmara de Alandroal, em conjunto com a empresa promotora de festivais cervejeiros OG&Associados, o festival A Beer In The Sky (ABITS) está a decorrer no castelo daquela vila alentejana.

A edição de estreia do evento vai contar com 40 cervejeiras, seis delas oriundas do Alentejo e as restantes de outras zonas de Portugal, Alemanha, Dinamarca, Sérvia e Espanha, oferecendo ao público mais de 230 estilos de cerveja artesanal para degustação.

Já o céu de Alandroal é “o pano de fundo” deste festival, fruto de uma parceria com a Reserva Dark Sky Alqueva, a primeira no mundo a ter sido certificada como “Starlight Tourism Destination”, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e pela Organização Mundial do Turismo (OMT).

A par da observação astronómica e da degustação de cervejas, o ABITS inclui uma programação musical, com a atuação de bandas de palco e de rua, vários dj nacionais e internacionais, artistas, ‘performers’ e animadores.

Comida de rua, demonstrações de cozinha e a oferta gastronómica do projeto de produção orgânica e biológica Terramay, situado naquele concelho alentejano, são outros dos atrativos do evento.

Em declarações a’ODigital.pt, o presidente da Câmara de Alandroal, João Grilo, o “objetivo do evento passa sempre por dinamizar a economia local e a dinamização da economia local tem que significar atrair pessoas e atrair pessoas é através de eventos diferenciadores que acabem por ser uma marca no território, portanto, o nosso objetivo é muito simples promover uma das atividades que tem crescido muito no país e no interior do país, que é a cerveja artesanal que está espalhada por todo o país, mas que tem alguns representantes do Alentejo muito interessantes”.

É também intensão da autarquia “trazer as pessoas ao Castelo do Alandroal mais uma vez e neste caso para conhecer todas estas cervejas nacionais e internacionais e também promover a cultura local, promover as dinâmicas locais, sempre associada a esta ideia da reserva a Dark Sky que é uma das marcas mais fortes que temos no território e temos a sorte de ter connosco”.

Questionado se a realização deste tipo de eventos se pode considerar uma experiência arriscada, João Gripo afirmou que “nós percebemos que hoje em dia, ou se arrisca para ser diferenciador ou mais vale não fazer nada.”

Fique de seguida com algumas imagens deste evento, numa reportagem de Hugo Calado: