Governo autoriza despesa até 4,9 milhões de euros para um segundo concurso de construção de um novo Palácio de Justiça de Beja

Justiça

O Governo aprovou em Conselho de Ministros esta quinta-feira, 9 de Maio, a autorização da realização da despesa necessária para o Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça lançar um novo concurso público relativo à construção de um novo Palácio de Justiça na cidade de Beja.

Foi assim autorizada uma despesa até 4,9 milhões de euros para o lançamento de um segundo concurso público para adjudicação das obras de construção do novo Palácio de Justiça de Beja.

Nos esclarecimentos prestados hoje pelo Ministério da Justiça à Agência Lusa, a autorização, aprovada hoje em Conselho de Ministros, surge depois de não ter sido possível adjudicar a obra através do primeiro concurso público, que tinha um valor base de quatro milhões de euros.

O Ministério da Justiça referiu que vai proceder ao lançamento do novo concurso público, que terá um valor base máximo até 4.970.000 euros.

O novo Palácio de Justiça de Beja vai albergar o Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja e os juízos do Trabalho, de Família e Menores e Local Cível do Tribunal Judicial da Comarca de Beja, atualmente instalados em vários locais da cidade.