Governo aprovou verba de 8,5 M€ para novos radares para as estradas portuguesas

Vêm ai mais radares fixos para as estradas portuguesas. O governo aprovou, recentemente, uma resolução que autoriza a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) a adquirir novos radares para os próximos quatro anos, num investimento que ronda os 8,5 milhões de euros.

A verba aprovada destina-se à “aquisição, instalação, ativação e manutenção” de radares para “os anos de 2020 a 2024“, sendo que o Executivo determina que esta despesa não pode exceder os 8.548.000 euros e terá de ser realizada “por recurso ao procedimento pré-contratual de concurso público, com publicação de anúncio no Jornal Oficial da União Europeia”, refere o comunicado do Conselho de Ministros.

O Governo deixa ainda claro que a despesa deverá ser feita de forma faseada durante estes quatro anos. Até ao fim deste ano a ANSR está autorizada a gastar 585 mil euros, 5,25 milhões em 2021 (o ano com o maior orçamento), 1,05 milhões de euros em 2022 e 828,75 mil euros em cada um dos últimos dois anos.

Para já ainda não são conhecidos os locais onde serão instalados estes novos radares.