GNR apreende mais de 300kg de lagostim que estava a ser pescado ilegalmente no concelho de Portel

A Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) de Évora, no passado dia 23 de Junho, apreendeu 330 quilos de lagostins de água doce, Astacus astacus, com o valor total estimado em 660 euros, na barragem dos Álamos, no concelho de Portel.

De acordo com a GNR, “na sequência de uma denúncia a relatar a presença de três homens a pescarem em local proibido, uma patrulha deslocou-se ao local, tendo surpreendido os suspeitos, com idades entre os 30 e os 70 anos, a recolherem as armadilhas (200 covos) usadas na captura do pescado, e com 330 quilos de lagostins.”

Os suspeitos foram identificados e todo o material usado, incluindo três embarcações, foi apreendido.

O pescado foi entregue para incineração após inspecção veterinária, e o processo comunicado ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

A acção contou com o reforço do Posto Territorial de Portel e do NPA de Reguengos de Monsaraz.