Foragido à justiça apanhado em Mora pela GNR

GNR

A Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Estremoz, ontem, dia 27 de maio, deteve um homem de 42 anos que se encontrava foragido à justiça, na localidade de Mora.

Segundo a GNR, “no decorrer de diligências policiais, os militares da Guarda localizaram o suspeito naquela localidade, tendo sido realizada uma operação policial que culminou na sua detenção, para cumprimento de medida de coação de prisão preventiva, por estar indiciado da prática de crimes de furto em residência, furto de máquinas agrícolas e condução perigosa.”

Assim, foi possível dar cumprimento ao mandado emitido pelo Tribunal Judicial de Santarém, sendo conduzido ao Estabelecimento Prisional de Beja.

A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal de Tomar.