Évora: Investigador universitário distinguido em prémio internacional

Investigador premiado

Um investigador da Universidade de Évora (UÉ), Germilly Barreto, foi um dos vencedores da Eurotherm Young Scientist Prize and Awards, com a sua tese de doutoramento em Engenharia Mecatrónica, revelou a academia alentejana.

Trata-se da “primeira vez que um dos prémios do comité da Eurotherm foi atribuído a uma tese de doutoramento desenvolvida numa universidade portuguesa”, realçou a instituição.

O júri do prémio distinguiu o trabalho deste investigador do Instituto de Ciências da Terra (ICT) da UÉ pelo “nível científico, originalidade, importância dos resultados para as ciências térmicas e transferência de calor” e pela “adequação da modelação numérica e os métodos experimentais utilizados”.