Évora é uma das zonas do país onde a carta de condução é mais cara

Num estudo realizado pela DECO Proteste, a região de Évora é onde se regista o preço mais elevado para se tirar a carta de condução.

Segundo a DECO, que em Abril visitou 200 escolas de condução, “a diferença entre o custo mínimo e o máximo que encontrámos para a carta da categoria B foi de 545 euros, para quem passe à primeira nos exames, isto sem incluir atestado médico nem material didáctico.”

Os preços mais elevados foram registados em Évora e Braga. Já na zona da Grande Lisboa e no Funchal, indicaram os valores mais baixos. Lisboa e Matosinhos foram as localidades onde foi detectada maior disparidade de preços, ou seja, visitar várias escolas e comparar custos permite poupar mais de 300 euros.

O preço da carta varia entre 375 euros e 920 euros. Os valores incluem o custo do exame e a taxa de emissão daquela.