Esporão investirá 3 milhões de euros em espaço no Instituto Superior de Agronomia

Foto: D.R.

O produtor alentejano de Vinhos Esporão passa a estar no Instituto Superior de Agronomia (ISA), depois de ter sido o único candidato no concurso público para concessão de um dos edifícios deste estabelecimento. A concessão será por 30 anos.

Este contrato contempla um investimento de 3 milhões de euros, na reabilitação do espaço e uma renda mensal fixa de 2.050 euros.

No chamado ‘Edifício da Geradora’ realizar-se-ão actividades de comércio e seviços. O  Instituto Superior de Agronomia pretendeu com este concurso “inicar a dinamização externa de um centro interdisciplinar na área da ciência, com uma ligação forte aos sistemas agrícolas existentes na Tapada da Ajuda, e constituirá um “living lab” para as tecnologias da área agronómica, alimentar e ambiental”.

“Ao reabilitar-se o Edifício da Geradora” e o seu espaço envolvente, em parceria com uma empresa de renome indiscutível no sector alimentar, a Esporão, encontra-se, assim, uma oportunidade de inovação no sector vitivinícola e na restauração”, acrescenta o  Instituto Superior de Agronomia.

Está previsto abrir em 2022 e este projecto contará com a  integração de espaços sociais para a empresa e uma área museológica de agricultura, alimentação, biodiversidade e arte que deverá permitir “desenvolver as condições para se implementarem um conjunto de tecnologias sustentáveis objecto de ensino no ISA”, refere o instituto.

O Expresso revela na sua edição que  apesar do contrato já estar assinado, ainda há questões processuais em curso e a adjudicação aguarda o visto do Tribunal de Contas.

Acrescenta ainda de que neste contrato, ficou ainda estabelecida como contrapartida variável pela concessão um valor percentual mensal de 2,5% a afectar a toda a facturação acima dos €700 mil euros anuais relacionada com a exploração do espaço.