Entrevista: “Notávamos que as pessoas ignoravam a passagem da Banda, mas agora até já nos saúdam”

Filarmónica Calipolense

A comemorar 151 anos de existência a Sociedade Filarmónica União (SFU) Calipolense, de Vila Viçosa, é atualmente uma das filarmónicas mais antigas em atividade continua no país.

Durante este mês de maio foram várias as atividades realizadas, para assinalar esta efeméride.

ODigital.pt esteve à conversa com Ana Piçarra Rego, Presidente da SFU Calipolense, a fim de conhecermos um pouco melhor a atual realidade desta centenária coletividade.

Há pouco mais de um ano à frente da coletividade Ana Piçarra Rego refere que já “muitas dificuldades foram ultrapassadas”, afirmando que quando esta nova Direção tomou posse encontrou “uma associação completamente em baixo”.

Sobre os primeiros meses à frente da coletividade, a Presidente da Direção disse que “não houve ninguém que nos encaminhasse” e “ouvi muitos nãos, mas houve quem acreditasse”.

Esta banda que tem ganho uma nova dinâmica nos últimos meses, no entanto, nos primeiros meses “notávamos que as pessoas ignoravam a passagem da Banda, mas agora até já nos saúdam”.

Nesta grande entrevista, Ana Piçarra Rego fala um pouco do passado do presente e do futuro, referindo que “temos que tentar chegar junto das pessoas” e “temos o objetivo de ser sempre transparentes”.

A Dirigente destaca ainda a reativação da Escola de Música, que está a ganhar um novo folgo, bem como, o novo Maestro que está agora na banda.

Uma grande entrevista que pode ver e ouvir já de seguida: