Emoção, fé e lágrimas diante da imagem de N. S. da Boa Nova que percorreu o concelho de Alandroal (c/fotos)

Boa Nova de Terena

Neste fim-de-semana, após a Páscoa, a localidade de Terena (Alandroal) realizou de forma diferente, devido à pandemia, as Festas em Honra de Nossa Senhora da Boa Nova.

Uma romaria que anualmente atrai milhares de pessoas para a este templo mariano localizado no meio do campo, mas que pelo segundo ano consecutivo tal não foi possível.

A Segunda-feira de Pascuela é o dia mais importante desta romaria, feriado municipal, e que leva até à vila de Terena milhares de pessoas para acompanhar a Santa Missa e a procissão do regresso de Nossa Senhora da Boa Nova ao seu Santuário.

Este ano, numa estreita colaboração entre a Paróquia de São Pedro de Terena e da Confraria de Nossa Senhora da Boa Nova, as celebrações ocorreram de forma diferente, inclusive a tradicional procissão de Segunda-feira de Páscoa. Este ano, a imagem de Nossa Senhora da Boa Nova, deslocou-se numa viatura devidamente engalada por todo o concelho de Alandroal e não só, confortando as populações das várias aldeias.

Um ato religioso que mostrou a forte devoção existente na região à Nossa Senhora da Boa Nova, em que se viu muita emoção, lágrimas, pétalas de flores pelo ar, lenços brancos e muita oração.

Este ano, esta procissão que durou o dia inteiro, foi presidida pelo Padre Marcelino Caldeira, que no final disse mesmo que “foi um dia em que no céu se fez festa”.

Destacar o fato de esta ter sido a primeira vez, em muitos anos, que a imagem de Nossa Senhora da Boa Nova percorre todas as aldeias do concelho

Fique de seguida com as imagens deste ato de fé, numa reportagem de Hugo Calado: