Elvas: Forte contingente policial da PSP terminou com festa ilegal com cerca de 150 pessoas

Policia de Segurança Pública de Elvas
Foto: Paulo Fernandes

A Polícia de Segurança Pública de Elvas terminou, esta quinta-feira, com uma festa ilegal com cerca de 150 pessoas num bairro da cidade de Elvas.

Segundo indica a PSP, foi necessário “empenhar um forte dispositivo para restabelecer a ordem e tranquilidade públicas no Bairro de São Pedro, em Elvas, ontem, dia 29 de julho, por volta das 23:30 horas. Após terem sido recebidas várias denúncias a dar conta que no referido Bairro estaria a decorrer uma festa na via pública com cerca de 150 participantes, a PSP rapidamente acionou os meios para o local, vindo a constatar a veracidade da situação.”

Relata ainda a PSP que “como a ordem para terminar as celebrações e cumprir as normas decorrentes do Estado de Calamidade em vigor não foi acatada, na primeira abordagem que se efetuou, a PSP viu-se na necessidade de voltar ao Bairro de São Pedro com um contingente policial reforçado e utilizar os meios coercivos necessários e adequados para restabelecer a ordem pública, por termo ao evento e dispersar a multidão, garantindo assim, no imediato, que todos os participantes recolhiam às suas habitações.”

Segundo fonte da PSP, durante a atuação policial foi detido um indivíduo do sexo masculino, com 47 anos de idade, pela prática do crime de injúria e ameaça a agente de autoridade.

O promotor do evento foi autuado, por infringir as normas do Estado de Calamidade e a lei geral do ruído. Apreendeu-se também o equipamento de reprodução de som que estava a ser utilizado na festa.

Foram ainda levantados vários autos de notícia por contraordenação por desobediência às regras impostas pelo Estado de Calamidade.