Dois magistrados dirigem investigação à derrocada da estrada de Borba

Justiça

Após o colapso da antiga estrada nacional 255,que ligava Borba a Vila Viçosa e que vitimou cinco pessoas, o Ministério Público anunciou a abertura de um inquérito para apurar as circunstâncias da ocorrência.

Já esta semana, o Ministério Público de Évora anunciou que a investigação estará a cargo de dois magistrados.

No comunicado pode ler-se que “no âmbito deste inquérito, imediatamente após o resgate dos corpos das cinco vítimas mortais,foram ordenadas as respectivas autópsias médico-legais. O inquérito encontra-se em investigação, prosseguindo, como tal, as respectivas diligências. Nesta investigação, o Ministério Público é coadjuvado pela Polícia Judiciária.”