DGS alarga os testes à Covid-19 a todos os contactos com casos positivos

Teste covid
Imagem ilustrativa

A Direção-Geral da Saúde (DGS) veio, ao final desta tarde, informar que voltou a alterar as normas de testagem.

A decisão é explicada com, “a situação epidemiológica atual, quer pela emergência das novas variantes de SARS-CoV-2, quer pela diminuição da incidência diária de casos de infeção, a DGS vai atualizar as suas orientações, no sentido de reforçar e alargar as indicações para a realização de testes laboratoriais de forma a antecipar um desconfinamento controlado, e otimizar a capacidade laboratorial do país, gradualmente expandida durante o ano de 2020.”

Assim, em linhas gerais, no que à testagem diz respeito, prevê-se:

– O alargamento da utilização de testes laboratoriais a todos os contactos (de alto e de baixo risco);

– A disponibilização generalizada de testes rápidos de antigénio (TRAg) nas unidades de saúde do SNS; e

– A implementação de rastreios regulares com TRAg em contextos particulares como nas escolas e setores de atividade com elevada exposição social (trabalhadores de fábricas, trabalhadores da construção civil, entre outros);

Recorde-se que a utilização de TRAg tem sido progressivamente alargada, quer ao nível dos locais onde os TRAg podem ser realizados, quer ao nível dos profissionais que os podem realizar.