Deputados mostram imagens impressionantes de Anta arrasada por máquinas no concelho de Évora

Anta Arrasada

Conforme noticiámos, a Direção Regional de Cultura do Alentejo avançou com uma queixa-crime junto do Ministério Público, por destruição de uma anta numa herdade perto de Évora.

Em finais de Setembro, Ana Paula Amendoeira, diretora regional de Cultura do Alentejo, revelou, em declarações à Agência Lusa, que “já fizemos aquilo que temos que fazer”, que foi “a comunicação, como queixa-crime, da destruição de património” junto do Ministério Público.

A diretora regional de cultura referiu que “teve conhecimento da destruição de património arqueológico na Herdade do Vale da Moura”, a qual ocorreu “na sequência de um projeto de agricultura de amendoal de regadio”.

De referi que o monumento localiza-se na área geográfica da Junta de Freguesia de Torre de Coelheiros, no concelho de Évora, sendo uma das várias antas que estão referenciadas na Herdade do Vale da Moura.

Esta semana, os deputados do Partido Socialista, Luís Capoulas Santos e Norberto Patinho, visitaram o local mostram imagens impressionantes de como ficou o monumento. As imagens mostram uma Anta arrasada e Luis Capoulas Santos afirma que “no âmbito das nossas competências como deputados, tudo faremos para que os autores do crime sejam severamente punidos e para que sejam criadas medidas mais eficazes para prevenir tanto quanto possível a ocorrência de actos criminosos desta natureza.”