Covid-19: Surto no lar da Misericórdia de Serpa já regista 88 infetados e 2 óbitos

Novos casos

Voltou a subir, esta segunda-feira, o número de casos positivos de Covid-19 no lar da Santa Casa da Misericórdia de Serpa, revelou o provedor em declarações à Agência Lusa.

Segundo a informação disponibilizada o total de infetados na instituição subiu para 88 pessoas, entre utentes e funcionários, tendo já morrido dois idosos.

“Temos 74 utentes e 14 funcionários” com Covid-19 disse à agência Lusa o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Serpa (SCMS), António Sargento, referindo ainda que há 15 utentes que não estão infetados.

O responsável adiantou ainda que há 10 pessoas internadas no Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja.

Já sobre os óbitos, António Sargento indicou “um homem, com cerca de 70 anos, faleceu no sábado, no lar, e uma senhora, de 93 anos, faleceu no domingo, no hospital”.

Segundo o provedor, três dos idosos internados no hospital em Beja, “inspiram mais cuidados” e têm “uma situação clínica mais instável”, sendo que “um está na Unidade de Cuidados Intensivos e os outros dois estão na enfermaria Covid”.

Os restantes idosos do lar da SCMS infetados com covid-19 “estão todos no lar, nas suas camas, dignamente cuidados, acompanhados pelas equipas clínicas, inclusivamente com a parceria da ULSBA, e monitorizados várias vezes ao dia”, assegurou.

Já os 15 utentes com testes com resultado negativo para o SARS-CoV-2 nas “duas testagens” realizadas encontram-se alojados na Zona de Concentração e Apoio à População (ZCAP), situada no Pavilhão Municipal dos Desportos Carlos Pinhão, em Serpa, acrescentou António Sargento.

O primeiro caso de infeção confirmado no Lar de S. Francisco, propriedade da Santa Casa da Misericórdia de Serpa, foi o de um funcionário, que, após começar a ter sintomas, fez um teste de despiste do vírus da covid-19, cujo resultado positivo foi conhecido no passado dia 24 de novembro.

Fonte: Lusa