Covid-19: Registado mais um óbito relacionado com o surto no lar de Sines

Situação epidemiológicas

Conforme noticiámos, eclodiu no passado fim-de-semana um surto de Covid-19 num lar no Lar Prats da Santa Casa da Misericórdia de Sines, no Alentejo Litoral.

Depois de terem sido identificados 42 resultados positivos para a Covid-19. Nomeadamente 35 utentes e 7 funcionários, realizaram-se, na quarta-feira, 284 testes à Covid-19.

Na sequência dos testes, não se registam casos positivos entre os residentes das restantes alas e valências da instituição, registando-se, contudo, mais um utente positivo na área onde foram detetados os primeiros dois casos.

Relativamente aos trabalhadores testados ontem há a registar mais 5 novos casos positivos.

Já esta quinta-feira, faleceu a utente que estava hospitalizada, desde o passado domingo, no Hospital do Litoral Alentejano. Segundo a Proteção Civil, a idosa que faleceu “além de ser uma pessoa de alto risco, devido ao seu estado de saúde, apresentava também comorbilidades.”

Recorde-se que este surto teve início no passado fim-de-semana quando duas residentes foram hospitalizadas após a apresentação de sintomas. De imediato, toda a ala do Lar Prats foi testada, tendo-se registado 42 casos positivos: 35 residentes e 7 funcionários. Foi também decidida a realização, esta quarta-feira, de testes a todos os residentes e trabalhadores de todas as valências da Santa Casa da Misericórdia de Sines. Desde a deteção do primeiro caso, registam-se 50 casos positivos, dos quais 38 são residentes e 12 são funcionários.