Covid-19: Museu do Medronho, em Alqueva, está a produzir álcool e gel desinfectantes para doar às autarquias do Alentejo

Na sequência da pandemia da Covid-19 várias têm sido as instituições e empresas a reformular a sua produção habitual e a direccionarem-se para a produção de produtos e equipamentos essenciais para o combate ao novo coronavírus.

Um desses exemplos é o Museu do Medronho, na localidade de Alqueva, no concelho de Portel, que está a aproveitar um subproduto da destilação para produzir álcool e gel desinfectantes, para fazer face ao Covid-19.

Este produto agora produzido pelo Museu do Medronho vai ser doado à autarquia e à população, sendo que já se estendeu a outros pontos do Alentejo, como foi o caso de uma entrega à Câmara Municipal de Arraiolos.

Segundo adianta a autarquia de Arraiolos, o Museu do Medronho doou 115 litros de álcool, para utilizar nas medidas de higiene preconizadas para prevenção da infecção pelo Covid-19, em instalações municipais e IPSS do concelho.

Recordamos que os produtos destinados a oferta às autarquias resultam dum processo de  transformar um álcool alimentar em álcool medicinal, a 70 por cento de volume.