Covid-19: Ministra da Saúde sobre o lar de Reguengos de Monsaraz: Responsabilidades “vão ser apuradas em sede própria”

Ministra da saúde informou

A Ministra da Saúde, Marta Temido, voltou a pronunciar-se esta, quarta-feira, sobre o caso do surto no lar de Reguengos de Monsaraz.

Marta Temido começou por referir que “as responsabilidades que possam vir a ser apuradas relativamente a esta situação vão ser apuradas em sede própria”.

A Governante afirmou também que “o Ministério da Saúde, com os documentos que recebeu, acionou a sua estrutura inspetiva, a Inspeção Geral das Atividades em Saúde, pedindo a avaliação das responsabilidades dos intervenientes na área da saúde”.

Concluiu que interessa “perceber, face aos documentos enviados, os aspetos que merecem da nossa parte uma responsabilidade específica, designadamente em termos de procedimentos, mas também em termos de responsabilidades eventualmente disciplinares”.

Já sobre a questão se José Robalo, Presidente da Administração Regional de Saúde tinha condições para continuar no cargo, Marta Temido, não se pronunciou.