Covid-19: Funcionária do Lar de Reguengos de Monsaraz dá positivo, depois de vários testes negativos

Novos casos de Covid-19

A Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz actualizou, ao final da manhã deste sábado, a situação epidemiológica no concelho.

Segundo a autarquia, no foco infecioso verificado no Lar da Fundação Maria Inacia Vogado Perdigão Silva, registavam-se ontem 20 casos positivos ativos (5 casos curados e 1 óbito) a trabalhadores e 66 utentes (14 óbitos). A edilidade adianta ainda que “a profissional de ERPI identificada como caso confirmado ontem, fez quatro testes todos negativos entre 18 2 28 de junho. Repetiu pela quarta vez em 9 de julho e apresentou resultado positivo. Encontrava-se em vigilância ativa em sua residência desde 22 de junho.”

Assim, neste momento no concelho de Reguengos de Monsaraz regista 130 casos activos relacionados com o último surto, sendo 86 na FMIVPS e 44 na comunidade (11 curados e 1 óbito). Segundo a autarquia, “estes números verificam-se num universo de cerca de 2.030 testes com resultado conhecido até ao dia de ontem, no qual foram conhecidos resultados de aproximadamente 30 testes. Estão planeados para hoje e amanhã mais cerca de 20 testes.”

O Presidente da Câmara Municipal de Reguengos, José Calixto, deixa claro que “relativamente ao controlo da propagação na comunidade não se registou qualquer caso nos últimos 3 dias. A autoridade de Saúde Pública considera que o surto está em resolução, caso não existam novas cadeias desconhecidas (tecnicamente será considerado extinto depois de 28 dias sem novos casos positivos COVID relacionados com as cadeias conhecidas.”