Covid-19: Até 15 de Abril, mais de 5660 trabalhadores independentes pediram o apoio extraordinário no Alentejo

A Segurança Social deu a conhecer os primeiros números relativos às medidas de apoio, aprovadas pelo Governo, para fazer face à crise causada pela Covid-19.

Uma das medidas aprovadas pelo Governo, foi um apoio extraordinário à redução da actividade económica de trabalhadores independentes.

Uma medida que se aplica aos Trabalhadores Independentes, que nos últimos 12 meses tenham tido obrigação contributiva em pelo menos 3 meses consecutivos, e que se encontrem em situação comprovada de paragem da sua actividade ou da actividade do respectivo sector em consequência do surto de COVID.

Segundo os dados que nos foram disponibilizados pela Segurança Social, nos distritos de Évora, Beja e Portalegre, até ao dia 15 de Abril, mais de 5660 trabalhadores independentes pediram este apoio.

No comparativo entre os três distritos é o distrito de Évora que apresenta mais pedidos (2.207) e Portalegre o que menos pedidos tem (1.434).

Fique de seguida com a tabela onde se pode ver o numero de pedidos por dia e por distrito:

 

BEJA

ÉVORA

PORTALEGRE

01/04/2020

722

873

538

02/04/2020

312

383

245

03/04/2020

191

172

110

04/04/2020

39

44

18

05/04/2020

38

38

22

06/04/2020

157

181

111

07/04/2020

103

124

87

08/04/2020

80

64

63

09/04/2020

78

76

50

10/04/2020

22

27

7

11/04/2020

9

7

6

12/04/2020

5

8

8

13/04/2020

68

41

32

14/04/2020

112

70

78

15/04/2020

86

99

59

TOTAL

2 022

2 207

1 434