Castro Verde: Gabinete de Apoio ao Emigrante ‘nasce’ em fevereiro

Gabinente migrantes

A Câmara de Castro Verde, no distrito de Beja, vai passar a dispor de um Gabinete de Apoio ao Emigrante (GAE), que irá entrar em funcionamento a partir de 01 de fevereiro, foi hoje revelado.

A nova valência, que vai funcionar no edifício do IN Castro – Centro de Ideias e Negócios, pretende informar e prestar apoio aos cidadãos portugueses e lusodescendentes nas áreas jurídica, económica ou empresarial, entre outras, disse o município.

O GAE vai também prestar aconselhamento a munícipes que pretendam regressar ou investir em Portugal ou emigrar, acrescentou.

A instalação do GAE em Castro Verde decorre no âmbito do novo Programa de Apoio ao Investidor da Diáspora, promovido pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros, em parceria com o Ministério da Coesão Territorial.