Câmara de Beja disponibiliza mais de uma dezena de funcionários para fazerem inquéritos epidemiológicos

Novos casos de Covid-19

A Câmara Municipal de Beja disponibilizou, à Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, mais de uma dezena de pessoas para apoiar nos inquéritos epidemiológicos.

Segundo a Autarquia bejense, de forma “a rastrear mais rapidamente as cadeias de contacto epidemiológicas locais, disponibilizou a Câmara de Beja uma lista de 11 funcionários da Câmara Municipal que por via de alguma redução de tarefas presenciais ou por estarem em regime de teletrabalho, se voluntariaram para colaborar nesta exigente e tão necessária tarefa.”

A Autarquia acrescenta ainda que “os voluntários são oriundos das Divisões de Desenvolvimento e Inovação Social (DDIS), de Cultura (DC) e de Turismo e Património (DTP), às quais o Município dirigiu o apelo de colaboração.”

Na comunicação feita, a Edilidade conclui que “caberá à Autoridade de Saúde Pública da ULSBA fazer a gestão das pessoas da CM Beja, nos termos que entenda mais útil, oportuno e necessário para a concretização da sua atividade.”