Avis: Paços do Concelho Medievais classificados como Monumento de Interesse Público

Paços do Concelho Medievais de Avis

O edifício dos Paços do Concelho Medievais de Avis foi classificado como Monumento de Interesse Público (MIP).

A decisão foi publicada recentemente, em Diário da República, através do Gabinete da Secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural.

Localizado no interior das muralhas levantadas na primeira metade do século XIII, a par do imponente conjunto conventual onde se instalou a Ordem de Avis, fundadora da vila e nela sediada, e situado paredes meias com a igreja matriz quatrocentista o edifício dos Paços do Concelho Medievais de Avis contribui significativamente para o entendimento do local onde se integra.

Datado dos séculos XIV-XV, mas provavelmente construído sobre uma estrutura administrativa anterior, o edifício foi sujeito a diversas alterações, destacando-se a intervenção do século XIX, da qual resultou a construção da abóboda do piso térreo e o andar superior. Apesar disso, constitui ainda um raríssimo testemunho de importância municipal na estrutura administrativa portuguesa na Idade Média, bem como um importante documento para a história da Ordem Militar de Avis no Alto Alentejo.

A sua classificação como Monumento de Interesse Público reflete os critérios relativos ao seu interesse como testemunho notável de vivências ou factos históricos, ao seu valor estético, técnico e material intrínseco, à sua conceção arquitetónica e urbanística, à sua extensão e ao que nela se reflete do ponto de vista da memória coletiva, e à sua importância do ponto de vista da investigação histórica ou científica.