Autárquicas: CDU candidata economista António Romeiras à Câmara de Montemor-o-Novo

CDU Montemor-o-Novo

A CDU vai candidatar o economista António Romeiras à Câmara de Montemor-o-Novo, no distrito de Évora, nas eleições autárquicas deste ano, enquanto a atual presidente do município lidera a lista da coligação à Assembleia Municipal.

Em comunicado enviado hoje à agência Lusa, a coligação que junta o PCP e o PEV indica que António Pedro Machado Romeiras, economista, de 44 anos, natural de Montemor-o-Novo, é o candidato à presidência da Câmara Municipal, de maioria CDU.

Por sua vez, a atual presidente do município, Hortênsia Menino, que cumpre o segundo mandato consecutivo, sempre eleita pela CDU, será a primeira candidata à Assembleia Municipal de Montemor-o-Novo.

A Lusa tentou contactar hoje Hortênsia Menino, mas as várias tentativas revelaram-se infrutíferas.

Já a responsável pela Direção da Organização Regional de Évora (DOREV) do PCP, Patrícia Machado, questionada pela Lusa sobre a não recandidatura da autarca, indicou que “não há nada a acrescentar além do que está na nota de imprensa”.

Está claro o compromisso e a disponibilidade de Hortênsia Menino com o projeto da CDU”, acrescentou.

Licenciado em Economia, com pós-graduação em Gestão de Entidades Públicas e Autárquicas, António Romeiras é contabilista certificado e consultor de projetos e de apoio à área financeira na Intersismet – Sociedade de Gestão de Projectos Internacionais.

Militante do PCP, o candidato foi coordenador do Departamento Técnico da Intersismet nas áreas de modernização administrativa, formação, avaliações, auditorias e gestão de entidades públicas e autárquicas.

António Romeiras foi também consultor em diversas autarquias do território nacional em áreas como planos estratégicos de desenvolvimento, reorganização de serviços, inventário e cadastro patrimonial, sistema de controlo interno, harmonização de regulamentos municipais, documentos de prestação de contas e contabilidade autárquica.

Hortênsia Menino assumiu a presidência da Câmara de Montemor-o-Novo, em dezembro de 2012, depois de o histórico autarca comunista Carlos Pinto de Sá ter deixado o lugar por estar impedido de se recandidatar (tendo concorrido a Évora), e foi eleita presidente do município nas autárquicas de 2013 e reeleita em 2017.

António Romeiras é o segundo candidato anunciado à Câmara de Montemor-o-Novo, depois de António Pinto Xavier, que lidera a coligação CDS-PP/PSD.

O atual executivo municipal é composto por quatro eleitos da CDU e três do PS.

Segundo a lei, as eleições autárquicas decorrem entre setembro e outubro.