Autárquicas 2021: Candidato do Chega a Marvão quer gestão “mais prática” no município

Chega Marvão

O candidato do partido Chega à Câmara de Marvão (Portalegre), Helder Ramilo Pires, quer vencer as eleições autárquicas deste ano para imprimir no município uma gestão “mais prática” que facilite o dia-a-dia dos munícipes.

Faz falta uma visão diferente para levar o concelho a bons destinos, uma visão que não seja meramente política, faz falta uma visão mais prática para os munícipes”, disse o candidato, em declarações à agência Lusa.

De acordo com o gerente de empresas, de 48 anos, em Marvão existem casos de pessoas que querem investir no concelho, mas as questões burocráticas condicionam o desenrolar dos projetos que pretendem executar.

“Há pessoas que pretendem investir no concelho e só a burocracia que isso envolve para um simples licenciamento de uma obra, acho que pode ser acelerado de outra forma”, defendeu.

Helder Ramilo Pires revelou ainda que esta é a sua “segunda experiência política”, recordando que, quando tinha 18 anos, integrou as listas do CDS-PP à Câmara de Marvão.

O município de Marvão é liderado por Luís Vitorino, que está a cumprir o primeiro mandato eleito pelo PSD.

O PS também já anunciou a candidatura do vereador (sem pelouros) no município de Marvão, Jorge Rosado, de 34 anos.

O executivo municipal é composto por dois eleitos do PSD, dois do PS e um eleito pela coligação CDS-PP/PPM.

As eleições autárquicas têm de ser marcadas pelo Governo para entre 22 de setembro e 14 de outubro.