Autarca de Alter do Chão fala sobre o hotel da Coudelaria e anuncia um “horse summit” para 2020 (c/som)

Como já noticiámos, foi esta sexta-feira, 15 de Fevereiro, lançada a primeira pedra do Hotel Vila Galé Alter Real, que resulta da concessão da Coudelaria de Alter ao Grupo Vila Galé, ao abrigo do Programa Revive.

Presente nesta cerimónia esteve o Presidente da Câmara Municipal de Alter do Chão, que aos jornalistas que salientou que este “é um processo que se iniciou em 2016, no qual eu sempre acreditei nas pessoas que se envolveram comigo neste projeto, fomos caminhado, e o projeto ficará concluído no primeiro trimestre de 2020, não só com a construção do hotel, como também com a implementação do programa turístico da Companhia das Lezírias para a Coudelaria e com a envolvência que o Município de forma muito construtiva está a dar a este projecto.”

O autarca adianta ainda que “em principio no próximo ano iremos promover um evento de caracter internacional, um projecto inovador, diferenciador, único no mundo e que tem muito a ver com a economia do cavalo, chamar-se-á Alter Internacional Horse Summit, será um projecto em que vamos colocar os melhores experts do mundo no que diz respeito ao cavalo a conversar e a discutir sobre o mesmo, e tudo isso para que o projecto da Coudelaria de Alter do Chão e neste caso da região Alentejo deixe de ser interior e passe a ser uma região construtiva, uma região rica, onde haja emprego.”

Francisco Reis conclui dizendo que “o Cavalo é turismo com uma expressão económica elevada, diferente de muitos turismos de massa, é um turismo selectivo e é isso que nós temos e é para ai que temos de crescer.”