Arraiolos: Três homens violam o confinamento e são apanhados pela GNR

Guarda detém indivíduos no Alentejo

A Guarda Nacional Republicana, através do Posto Territorial de Arraiolos, ontem, dia 30 de abril, deteve três homens, com idades compreendidas entre os 20 e os 45 anos, por violação do confinamento obrigatório a que estavam sujeitos no âmbito da pandemia de COVID-19, no concelho de Arraiolos.

Segundo a GNR, “na sequência de uma denúncia a dar conta que três indivíduos estariam na via pública a proceder à remoção de um sistema de escape de uma viatura ali estacionada, os militares da Guarda deslocaram-se rapidamente para o local e localizaram os suspeitos no interior de uma empresa de gestão de resíduos, na posse de um sistema de escape e de diverso material ferroso. No decorrer das diligências policiais apurou-se que os suspeitos estavam em violação do confinamento obrigatório a que estavam sujeitos.”

Os homens foram detidos, e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Évora.

A GNR recorda que “ficam em confinamento obrigatório, em estabelecimento de saúde, no respetivo domicílio ou noutro local definido pelas autoridades de saúde, todos os doentes com COVID-19, os infetados com SARS-CoV-2, e os cidadãos relativamente a quem a autoridade de saúde ou outros profissionais de saúde tenham determinado vigilância ativa. A violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência.”