Arraiolos: Apresentado o projeto que contribui para a circularidade e proteção dos recursos hídricos

Projeto água

Foi apresentado esta semana, em Arraiolos (Évora), o projeto “AQUA-VINI Sustentável”, um projeto que envolve a produção e utilização de água para reutilização (ApR) na atividade vitivinícola no Alentejo, visando contribuir para a circularidade na gestão da água e para a proteção dos recursos hídricos na região.

O projeto está a ser desenvolvido em parceria entre a Águas Públicas do Alentejo, a AdP Valor, a Comissão Vitivinícola Regional Alentejana, o Centro Operativo e de Tecnologias de Regadio (COTR) e o Monte da Ravasqueira e inclui a produção de ApR na ETAR de Arraiolos Poente, da Águas Públicas do Alentejo, e o seu encaminhamento para reforço do armazenamento de água na charca usada para rega da vinha da Herdade do Monte da Ravasqueira.

De acordo com a informação disponibilizada, a operacionalização do projeto “visa também contribuir para o aumento do conhecimento técnico sobre a reutilização de água na atividade de regadio, os efeitos desta aplicação no desenvolvimento das culturas irrigadas e o impacto nos recetores ambientais – solo e recursos hídricos, bem como nos sistemas de rega.”

A metodologia adotada no desenvolvimento do presente projeto “permitirá que a reutilização da água seja realizada de forma segura e adaptada ao uso concreto, assente numa avaliação do risco e garantindo, por isso, uma relação custo-eficácia equilibrada e competitiva (abordagem fit-for-purpose)”, indicam os responsáveis.