Amazon deverá construir centro logístico, de 200 mil metros quadrados, junto à fronteira

Amazon

A multinacional de tecnologia norte-americana Amazon está a estudar instalar um centro logístico em Badajoz, avança esta sexta-feira o Jornal Hoy.

Trata-se de um grande investimento em Badajoz, que segundo a referida publicação, poderá criar 1000 postos de trabalhos diretos e ocupar uma parcela de 200 mil metros quadrados.

Ainda segundo o Hoy, este centro logístico da Amazon deverá ficar situado numa plataforma junto à estrada e à linha ferroviária na fronteira com Portugal.

A linha ferroviária Évora-Caia, que está a ser construída e que deverá estar concluída em 2024, pois, as mercadorias que vão abastecer este centro de logística poderão ser provenientes dos portos de Sines e de Setúbal.

A partir deste centro logístico a Amazon pretende enviar as encomendas para toda a Europa, revela ainda o Hoy, que salienta ainda que o projeto encontra-se em consulta pública e vai levar a uma alteração dos projetos de interesse regional.