Almodôvar: Inaugurada a rede Via Verde Electric com primeiros postos de carregamento ultrarrápidos

Via verde

A Brisa, a IONITY e a Cepsa inauguraram, esta quarta-feira, a rede de carregamento elétrico Via Verde Electric com os primeiros quatro postos de carregamento elétrico ultrarrápido instalados numa autoestrada nacional e que já estão em funcionamento.

A partir de hoje, os condutores já podem utilizar estes postos de carregamento ultrarrápido, com uma potência de 350 kW, instalados nas áreas de serviço de Almodôvar, no quilómetro 193 da A2, nos sentidos Algarve-Lisboa e Lisboa-Algarve.

A inauguração destes postos de carregamento elétrico ultrarrápido marca o início da parceria estabelecida entre a Brisa, a IONITY e a Cepsa, empresas líderes na mobilidade sustentável, no Via Verde Electric, que é suportada em tecnologias que contribuem para a descarbonização rodoviária e torna possíveis as viagens de longa distância nas autoestradas da Brisa com um carro elétrico.

Com uma potência de 350 kW, os carregadores da IONITY estão entre os mais potentes do mercado e ajustam-se automaticamente à capacidade das baterias dos carros elétricos.  Permitem um carregamento rápido e sem perda de tempo de viagem, estando disponíveis 24 horas por dia. Os carregadores da IONITY são compostos por tomadas do modelo standard europeu (Combined Charging System), utilizado pelos carros elétricos atuais e futuros.

Ao abrigo da parceria entre a Brisa, a IONITY e a Cepsa no Via Verde Electric, serão instalados doze postos de carregamento ultrarrápido nas áreas de serviço de Barcelos, na A3, de Estremoz, na A6, ambos em maio, e em Leiria, na A1, em julho.

Com a inauguração do Via Verde Electric, a Brisa dá um passo importante na sua contribuição para a transição energética no setor da mobilidade e assume o seu papel como operador de mobilidade sustentável, com soluções ambientais que visam diminuir as emissões de carbono na sua extensa rede de autoestradas, em conjunto com os seus parceiros.

Até ao verão de 2021 será possível atravessar Portugal, de norte a sul, sem emissões de carbono com a rede Via Verde Electric, que vai contar com 82 postos de carregamento elétrico em 40 áreas de serviço, com soluções de carga rápida (de 50 kW) e ultrarrápida (de 150 kW a 350 kW).

Além disso, até ao final do ano, a aliança entre a IONITY e a Cepsa na mobilidade elétrica vai permitir atravessar as fronteiras de Portugal e Espanha num carro elétrico. Esta aliança vai permitir cobrir as principais estradas urbanas portuguesas e espanholas, assim como as ligações rodoviárias ao continente europeu, com postos de carregamento ultrarrápido localizados em pontos estratégicos nos principais corredores peninsulares.

A cerimónia de inauguração do Via Electric contou com a presença do Secretário de Estado das Infraestruturas, Jorge Delgado, do presidente da comissão executiva da Brisa, António Pires de Lima, do CEO da Brisa Concessão Rodoviária, Manuel Melo Ramos, do country manager para Portugal e Espanha da IONITY, Allard Sellmeijer e do CEO da Cepsa Portugal, José Aramburu.

António Pires de Lima afirma que “a descarbonização da economia é uma prioridade estratégica das empresas. A criação da rede Via Verde Electric é um contributo significativo da Brisa para a transformação da mobilidade e para um transporte rodoviário sem carbono, que todos desejamos. A parceria com a IONITY, e com a Cepsa, na rede Via Verde Electric, é uma demonstração de como as soluções colaborativas podem acelerar esta mudança”.

Manuel Melo Ramos explica que “é fundamental a Brisa Concessão Rodoviária garantir um serviço de excelência aos seus clientes e, no caso concreto da mobilidade elétrica, a rede Via Verde Electric vai assegurar uma viagem tranquila e segura, com uma oferta de carregamentos elétricos que permitam viagens de longa distância com toda a normalidade”.

Allard Sellmeijer salienta que “em resultado de uma parceria com a Brisa e a Cepsa, a IONITY tem agora instalados postos de carregamento ultrarrápidos em Portugal, permitindo longas distâncias num carro elétrico sem perder tempo de viagem. Estes postos estão bem inseridos na nossa infraestrutura espanhola e no resto da Europa”.

José Aramburu, frisa que “a transição energética representa um dos maiores desafios do nosso tempo. Na Cepsa, estamos totalmente comprometidos em criar o futuro da energia, com base em energias renováveis e sustentáveis, adaptando a oferta às necessidades dos seus clientes, desenvolvendo novas formas de usar e de distribuir energia, ao serviço das pessoas, das empresas e da sociedade em geral. Esta parceria, com a Brisa e a IONITY, é estratégica para reafirmar o compromisso com o objetivo de sermos um elemento garante da sustentabilidade energética”.